25 novembro 2006

Poema de última hora...

"Olho para o chão e vejo caquinhos de mim,
Mas não reconheço nenhum dos pedaços...
Fui tão longe e ao mesmo tempo não cheguei a lugar algum,

Ando em busca de paz,
Respostas,
Palavras carinhosas,
Ando em busca de algo que ainda não encontrei
Que ainda não procurei...
O que vou achar eu não sei
Só sei o que perdi..."


Sentindo, escrevendo e ouvindo música, que mais eu quero?! Eu quero o mundo inteiro...

Ao som: Culto de Amor (Edgar Scandurra)

Nenhum comentário: