12 dezembro 2006

Quero ficar só...

Hoje quero ficar só com as lembranças... as palavras ficarão para depois!
Estou com saudades de alguma coisa que ainda não sei bem o que é.
Bem que hoje eu poderia ter sonhos lindos que me revelassem do que estou sentindo falta!
Ai, ai... Essa saudade não chega a doer, parece mais um presságio... um bom presságio!

Vou dormir! Ao som... The Cranberries... Close To You

♪"Why do birds suddenly appear
every time you are near?
Just like me they long to be
Close to you..."♪

2 comentários:

nuno portmore disse...

De presságios... deveriamos ter apenas boas notícias. Saberiamos que estavam todos empacotados num avião a milhares de pés de altura, prontos para experimentarem o ar. Falariam entre eles, contariam seus parágrafos, rir-se-iam com o que iria nascer. No momento certo, saltariam para a liberdade do vento... aterrariam nas nossas vidas transformados em boa realidade.

Acho que quase tudo ou todos, procuramos concretização. Até de tranquilidade interior.

Beijos

p.s. O cansaço impede-me de dizer o espaço que ocupa em mim o pensamento, mesmo numa cabeça cheia de dores marteladas.

Luz da Lua disse...

Boas notícias...
Boa realidade...
Tranqüilidade interior...
Perfeição!
Mas a (minha) realidade é outra...
Silêncio...
Vazio...
Vontade de sair por aí e ao mesmo tempo de ficar aqui dentro...
Eu queria abrir a porta e dar de cara com alguma coisa boa...
Mas essa coisa boa insiste em ficar em outro distante lugar que não encontrei o endereço, ou perdi!
Mais um dia de farpas... Desculpe!
[Espero que amanhã seja um dia absolutamente novo]
Bjos