30 janeiro 2007

Dia da saudade!!

Hoje é o Dia da Saudade... é o que diz no calendário... 30 de janeiro!
Então, pensei em tudo aquilo que tenho saudades...
Minha Vó... tenho saudades dela, dos chás milagrosos, dos conselhos sábios, das pelanquinhas no braço que eu adorava mexer... saudades!!
Cheiro da chuva... infância... deditos... pracinhas... passeios de domingo... colo... saudades!!!
Da adolescência sinto saudades das paixões não platônicas e descompromissadas...
Das bebedeiras com os amigos...
Dos campeonatos de vôlei...
Praia o verão inteiro... dirigir sem carteira...
Meu filho... tenho saudades quando ele ainda estava na minha barriga... lá ele estava totalmente protegido!!
Da família reunida... unida... do frango com requeijão e batata palha em noites especiais!!
Saudades das minhas festas de aniversário!!
Saudades da amiga que está no México... de outra que está no Uruguai... de outra que foi para o Rio de Janeiro...
Saudades de ler 'certo blog'...
Enfim... saudades... até de quem eu nem deveria sentir mais saudades, mas sinto... das conversas enigmáticas até altas horas... palavras e frases sem sentido que faziam todo o sentido... da ousadia... da arrogância... do mistério... saudades!
Aiiiiiiiii... tenho saudades de tanta coisa que está tão longe... outras que estão tão perto... e outras que insistem em não estar!!


Qual a cor da saudade???

Um comentário:

nuno portmore disse...

A saudade é como um carrossel de árvores plantado no meio dum lago. É um lugar só nosso, onde viajamos sem partir e sem chegar. É um lugar onde trepamos às memórias mais distantes, apenas para podermos sentir o aroma daquela maça, pendurada naquele ramo… e que já lá não está… mas estará para sempre.

Saudade é estar por perto, mesmo quando estamos longe… é saber nadar as braçadas suficientes para não deixar que esse sentir fuja de nós.

Saudade é feito de pessoas, que em nós são prova que, mesmo depois de passado, continuamos presente.

Qual é a cor da saudade? Também não sei. E ainda bem… :)

A tua saudade, querida amiga... é muito bonita.

Beijo

p.s. Por aqui… neste lado do Atlântico, habituei-me a ver um filme chamado A Mulher Falcão. O nome é diferente, mesmo que a língua seja a mesma. Acabei de ligar os pontos… Sei completamente do que falas…