27 agosto 2008

Meu Filho!

Ontem eu estava chorando no meu quarto e meu filho perguntou:
- Mamãe tu ta chorando?
- Não estou!
- Está sim, estou vendo uma lágrima.
- Estou, mas não é por ti, a mamãe te ama.
- Ta triste?
- Estou, tenho muitos prblemas.
- Fala um.
Parei, olhei pro meu filho e pensei: “Às vezes ele parece ser mais maduro que eu, como pode ele me olhar como se estivesse entendendo o que acontece?”
Então respondi:
- Não gosto de morar aqui.
- Hmmm... fala outro, mamãe.
- Filho, são tantos que não posso ficar enumerando.
- Mas fala outro.
Eu dei um sorriso e fiquei calada.
- Mamãe, tu já está rindo, esqueceu dos problemas?
Eu tentei segurar o choro, mas desabei a chorar novamente, não queria passar a minha tristeza pro meu filho, ele não tem que me ver assim, eu não posso deixar que ele me veja assim.
- Não filho, não esqueci dos problemas, mas lembrei de uma coisa que me deixa feliz... TU. Filho, se a mamãe tivesse que morar em outro lugar, tu iria junto?
- Posso levar meu pai?
- Não, ele tem a casa dele.
- Então pq nós não vamos morar lá?
- Pq é pequena.
- Então vamos pra outra casa, eu, tu e o papai.
Aí eu resolvi contar uma história pra ele... a conversa estava me deixando sufocada...

Nenhum comentário: