05 fevereiro 2011

Qualquer coisa que não pretende ser mais nada...


Aos poucos as coisas vão se acalmando, tudo vai voltando pro devido lugar...
Aquela ilusão ta saindo de cena...
A esperança agora é somente de dias melhores...
O desejo não é mais o mesmo...
A intensidade cedeu lugar pra qualquer coisa que não transborda mais...
A dor deixou de doer...
O amor reinventou outras formas de manter-se amor...
E o que era agora já não precisa mais ser... uma corrente que quebra um elo ainda pode ser corrente, mas não tem mais o mesmo tamanho...
As coisas não são mais tão idealizadas...
A rotina já mostra uma nova cara...
E a imagem mudou de figura... as coisas são como são, mas são mais belas enquanto a gente não enxerga isso...
O que não quer dizer que não tenha sido lindo, que não tenha arrancado todos os suspiros, que não tenha valido a pena... apenas o que foi se deu conta que era mais bonito no coração do que na paisagem...

Um comentário:

Milka disse...

Lindíssimo pensamento, muito forte a sua sensibilidade! Amei! To te seguindo, pode dar uma passada em meu blog também, se quiser! Parabéns!