02 abril 2013

Crio coragem, logo desisto!

Uma coisa é certa:

Eu queria muito que essa coragem minha que vem de dentro que parece invencível, com aparência de gigante, cores fortes, brilho intenso e tudo mais, não cedesse tanto pra covardia que vem de mansinho como água mole em pedra dura!

Nenhum comentário: