02 julho 2017

Fisiologia feminina, hormônios e menstruação. ..

A menstruação explica muita coisa... E quando fico menstruada fica tudo explicado e fim. Nunca uma teoria foi tão simples de desenvolver, testar a eficácia e 'bater o martelo', e nessa época do mês é melhor tirar o martelo metafórico da minha mão... Pq até ele fica perigoso.

28 junho 2017

Entre a sombra e a escuridão

Quando a morte levou meu pai, ela levou também a minha capacidade para o melhor. Meus olhos nunca mais viram a luz do dia, e minha alma ficou catatonica. A inércia ganhou a excelência em sua dimensão... Vez ou outra eu recebia um impulso daqueles que nos tira do lugar, mas como perdi o equilíbrio por completo, cada empurrão me jogava apenas ao chão. Desde então eu espero o fim desse sofrimento, afinal milagres não existem.

31 maio 2017

'Pai nosso que estais no céu'

E é com uma homenagem debochada que brindo o dia 31/05... Aniversário do meu pai:

"- Paizinho (como eu o chamava desde pequena), esses dias o 'fulano' (preservar é mais prudente) teve a audácia... (Não foi audácia, acho que foi coragem)... de falar mal de ti na minha cara... Louco ele né? Na mesa tinha uma garrafa remanescente de vinho, e eu já estava com mais álcool que sangue no corpo... Um tempo atrás, eu teria quebrado a garrafa e enfiado na goela do 'fulano', e a fúria física, ou aquela que jorra dos meus olhos em forma de fogo, teriam aniquilado o 'fulano' antes que ele terminasse a 'heresia'... (risos)... Mas fiz um esforço, e o terremoto que estava na iminência de acontecer, ficou no âmbito interno... Segurei no osso! Falei algumas bobagens com a voz trêmula, e as lágrimas que escorriam, apagaram o fogo dos olhos... Me retirei do local, chorei a noite toda, acordei com os olhos e cabeça inchados... Parte de mim se sentiu apunhalada pelas costas, frente e verso, e se eu já tivesse assimilado a cena, não estaria aqui te contando... Aquilo não só me incomodou - PROFUNDAMENTE - como pro resto da minha vida vai me afastar daquele 'âmbito que me era familiar'... Eu sei bem o que tu deve estar pensando: "Minha filha, veja bem, ele não está certo, tampouco errado, ele não sabe o que diz, mesmo achando que sabe, eram outros tempos, e eram tempos difíceis... Tenta entender o 'lado dele e a quem ele quis defender'... Releva!"... SEMPRE ELA... Deixa pra lá, paizinho, não julgo ele, cada um defende seus afetos, mas nem por isso ele precisava te usar pra engrandecer 'ela', eu não deixo de amá-la e respeitá-la pq tive contigo cumplicidade e amor ímpares... Com ela tem amor, mas é diferente, pq todos somos diferentes e essa diferença acompanha as relações! ... Deixa ele, e deixa ela, eles tem os motivos deles. Todos temos motivos íntimos, erros, defeitos e tudo de sobra... Te amo e tenho saudade de resolver essas e outras questões dialogando contigo... "

Meu pai era meu super herói favorito, e ele me ensinou que os super poderes dele estavam no amor incondicional que ele tinha por mim, e não na santidade que ele não tinha nele!

Outra coisa, sangue e sobrenome não me ligam a ninguém, o laço que priorizo é o afeto, 'nós' sufocam, laços adornam!

18 maio 2017

Desapego para seguir em frente;
Amor próprio para recomeçar;
Alegria nas reuniões de amigos;
Lápis de cor para os dias cinzas;
Vinho para as noites solitárias;
Disposição para as coisas boas que virão...

Sobre amores, entrega e fins...

Faz pouco que aprendi a 'entrega': Aquela de corpo, alma e coração! Não é abrir as pernas para qualquer um, é despir a alma quando o coração chama de amor.
Tudo posso naquilo que me fortalece, sem medo, sem pudor, sem filtros...
Acabou, e eu não vesti a armadura de outrora: nada se perdeu, e agora ganhei tempo para a solteirice que sempre foi uma aliada... Vou lá aproveitar pq logo vem o bendito do amor me dilacerar de novo!

03 maio 2017

Curioso mundo...

Acho que quase tudo ou todos, procuramos concretização...
Até de tranquilidade interior!

28 abril 2017

Estranheza como beleza natural...

O que mais me encanta em uma pessoa é a coragem/arrogância/autenticidade de sustentar sua estranheza... Quem banca o que é, tem uma beleza intrínseca rara!!

26 abril 2017

Qual o gatilho do teu desejo?

Esses dias no banho eu estava pensando 'qual o gatilho do meu desejo?'
Naquele dia eu acordei chata e decidi sumariamente que não queria sexo, estava cheia de problemas e sem clima para criar 'clima de sexo'... Lembrei que já estive pior e ainda assim o sexo estava presente. Então era só estimular com algo tipo vídeo pornô, já que era dia e não tinha vinho em casa...
A minha vontade é livre e estimular é permitido, forçar nunca!
É como o famoso 'cospe ou engole'? Tem dia que tenho vontade de engolir e em outros apenas não...
No fim a vontade veio sei lá de onde (liberdade) com direito a final feliz!
Mas qual o gatilho do meu desejo?
E do teu?

25 abril 2017

Sobre fome ou vazios...

- Estou aqui com fome de algo forte ou exótico que preencha esse vazio de não ter ido ao show...
- Tem certeza que é sobre isso que estamos falando?
- Oi? Estamos falando de comida, não? (pausa do desconforto) Que fome...

09 abril 2017

A Cabana - The Shack

Terminei um namoro falido e, triste fui ao cinema desopilar... O filme: A Cabana...
Li o livro anos atrás por indicação de uma pessoa que gostava muito (verbos passados são tão tristes, mas a vida é assim...) e dentro das tristezas permanentes que tenho em mim, está a perda do meu pai. Simplificando: meu pai era minha fé, esperança, conforto, amor incondicional, trevo de quatro folhas, girassol... Com ele ao meu lado TUDO PODIA DAR ERRADO QUE ELE ESTAVA LÁ PARA ME SALVAR E INCENTIVAR-ME A TENTAR NOVAMENTE... Perdi ele num domingo, o pior da minha vida!
Entrei na sala de cinema, a cadeira H6, escolhida a dedo, ninguém por perto...  Na hora que o filme começa um rapaz sobe as escadas e eu penso: 'Ele não pode vir pra cá'... E o inconveniente sentou-se ao meu lado, para meu desconforto. Pensei: 'Será um daqueles dias que vou ter que me 'emponderar'? Se for, ele escolheu um péssimo dia, estou destilando meu 'sagitarismo' e meus cascos estão afiados.'
Ele sentou-se, ajeitou-se e o filme começou. Às vezes a presença de um estranho ao meu lado incomodava-me a ponto de eu ficar sem ar, mas com o passar do filme fui relaxando, e eu só cuidava para ele não ouvir meu choro descontrolado ou para que minhas lágrimas não desabassem nele. Era difícil controlar o soluço, mas eu não era a única chorona da sala, às vezes eu ouvia um funga funga...
O filme terminou e tive que me recompor rápido. A cara de choro era quase unânime no cinema. Saí apressada, fui ao banheiro, na entrada uma senhora pergunta: "Que achou do filme?" E eu quase pedindo um colo respondi: "Eu li o livro, bom."
Falar cinematograficamente do filme seria eu avaliar uma aula de catequese... Não fui pelo filme, mas pela mensagem...
"E pasme, 'Papai', sinto que não estou sozinha, e minhas lágrimas não pararam ainda, mas a dor está suportável e haja o que houver, o desespero nunca mais vai me pegar desprevenida, pq eu não estou sozinha..."
É bom quando a gente renova a fé, independente fé no que seja...

03 agosto 2016

Sabe, a gente conhecer alguém legal que possamos compartilhar a nossa vida parece fácil, afinal quase todo dia conhecemos gente nova. Mas é muuuuito difícil... Alguém que nos divirta, que se preocupe com a gente, chora e ri conosco, q faz coisas pra nos agradar, q nos proporciona crescer, que conhece a gente em tudo e ainda assim aposta na gente... E isso tudo eu decidi que quero pra minha vida hoje, amanhã...
A vida é melhor com alguém assim do lado que caminhe ou corra do nosso lado, no mesmo ritmo, na mesma sintonia. Eu quero ser importante pra alguém de novo e ter uma rotina calma, fazer coisas saudáveis, e tudo aquilo que implica ter alguém. Acho que tu despertou isso em mim e só essa disposição diferente já me dá um ânimo novo. E não quero mais fazer o que sempre faço, desdenhar exatamente aquilo que eu quero...
Eu quero ficar contigo de verdade, fazer parte da tua vida e todas essas coisas bestas e bonitinhas disso tudo, e preciso saber se tu tb quer ou se passou e não dá mais. E se não der, ok, a amizade fica a mesma, a parceria, o estudo pra concurso, as conversas, ..., mas termina aqui tudo aquilo que vai além da amizade. Não quero mais me dedicar pra alguém que não tenha a mesma dedicação comigo. Talvez tu ache q não é a hora, mas eu nunca fiz isso e me devia, me devia admitir e ter q agir nesse sentido, só assim para eu parar de alimentar ilusões, pq elas matam a minha disposição para as coisas boas...
E tb fiz pq estou sendo coagida... Huahuahua

22 janeiro 2016

Procura-se...


Procura-se um encantamento qualquer que inunde de luz o olhar...
Oferece-se recompensa!
Pode ser encantamento miúdo, calmo e longevo, encantamentos arrebatadores me consomem até a última gota de uma só vez, e quero permanecer um pouco mais que habitualmente... Meus sentidos não mais estão voltados para o efêmero, quero luz e não fagulha!

11 agosto 2015

Saga!!


Quando aparecem várias possibilidades eu começo a desfocar de todas para aguardar uma outra... Saga!

E estou falando de amor mesmo, não é nada em relação ao profissional que agora está bem encaminhado!

O pior, é que daí eu normalmente quero algo do passado com a cara mais familiar pois as coisas que conheço são mais fáceis de eu me atirar... E aí é que mora o perigo, o que eu atualmente acho familiar já foi e muito super misterioso pra mim, e isso nunca me fascinou e sempre me afastou, mas ando querendo fazer essa visitinha ao passado como quem quer cutucar a onça com vara curta...

E não duvido nada que isso vá acontecer e bem em breve, ele voltou, anda por perto, já estamos bebendo no mesmo copo de cerveja, já estamos discutindo a ex relação e o abraço aquele que era pra mim uma cama aconchegante no domingo: já foi dado! Só esperar as cenas do próximo capítulo da velha novela mexicana em círculos!

E depois quando dizem que eu não presto eu acho que é maldade, mas fazer o quê... É incrível o que ele faz, eu estava muito bem direcionada, adorando a função toda da novidade, tinha um e outro fazendo a função de não me deixar avassaladoramente apaixonada, pq eu preciso de uns 2 ou 3, um é sempre o xodó, e os outros tiram o foco pra eu não me atirar de vez no xodó... Daí ele vem, faz uma festa comigo e eu já nem lembro do xodó e nem quero mais os tiradores do foco... Mas faço aquela cara de desdém, deixo ele maluco, jogo a isca, ele cai, e pronto, feita a merda!


20 julho 2015

Meu melhor amigo, ontem e sempre cuja saudade me mata, mas o amor me fortalece!!




(Post de FEVEREIRO DE 2014 no facebook, está aqui hoje devido ao DIA DO AMIGO, e ele é o que me faz uma falta avassaladora e irremediável... Só ele!)

A gente acha que tem problema, reclama da vida, até realmente se deparar com algo que causa um impacto de verdade!

Eu trocaria tudo pela saúde do meu pai, trocaria de vida, de humor, de comportamento, de hábitos, de gostos, passaria a vida a limpo, pediria todas as desculpas que nunca pedi, reforçava as que eu já pedi, agradeceria a todo minuto e todos por tudo de bom ou não que me fizeram e que me fez crescer, deixaria de lado coisas bobas, investiria em coisas boas, faria de mais momentos os melhores momentos da vida, criaria mais lembranças alegres, seria menos grosseira com o mundo e comigo, seria mais gentil com o mundo e sobretudo comigo, levaria meu pai a mais jogos do grêmio, aprenderia a fazer o melhor churrasco do mundo pra ele, aliás, eu acho que aprenderia a jogar futebol e jogaria com ele, já que nasci 'menina' e não tenho esse interesse físico pelo futebol, tenho apenas o interesse 'intelectual'. Aliás, eu só gosto de futebol pq isso deixa ele feliz (falando bem a verdade) e só sou gremista pq tb faz ele ficar contente. Do contrário eu seria... Deixa pra lá!

Mas adoro dirigir, e isso ele conseguiu criar uma excelência em mim, de tanto instigar e me ensinar desde muuuito cedo, mas muito cedo mesmo, eu aprendi, e bem, aliás, aprendi com o melhor e pior (e quem já andou com o meu pai sabe bem do que eu falo). E quem andou comigo sabe bem também do que eu falo!

Hoje lá dentro do hospital, do lado da maca, eu queria muito chorar, e me segurei, e de bem besta que eu sou, para desviar minha atenção eu olhei pra cima e disse: "Paizinho, tu viu que as paredes são bem pintadas?" Óbvio que ele viu que eu estava tentando disfarçar o que o meu coração queria gritar, e ele sorriu e encheu os olhos de lágrimas, e mais uma vez eu tinha que disfarçar a minha vontade quase incontrolável de desmoronar e pedir colo. Então contei as façanhas da Isadora, que deixam qq um perplexo. Afinal filha de peixe e neta de peixe... peixinho é!

Tenho orgulho de ser filha do meu pai e dele ser meu pai, e se eu escrevo é pq não consigo falar, mas eu imprimo tudo pra quem sabe, se os médicos liberarem ele possa ler.

Ou para que quando ele saia do hospital eu possa ler para ele, comendo um churrasco e com toda a família reunida!

O caso dele é grave, muito grave, mas ele disse que quer sair até quinta, sendo que hoje é terça, e foi então que eu vi de onde vem o meu otimismo surreal para certas coisas, ou a minha fé que me move quando eu deixo de focar nos problemas e sigo.

E quando a médica disse que ele estava vivo de teimoso, eu pensei: "Esse é o meu pai!"
__________________________________

Ele foi um guerreiro, aguentou firme até dia 15/03/2015, entre idas e voltas do hospital, e no sábado que antecedeu o pior domingo da minha vida eu dei o último beijo, o último abraço e ouvi e falei um último "eu te amo"... Eu ainda sofro, ainda choro, e esse vazio nunca vai cicatrizar...

18 julho 2015

Rascunhos pela metade...



Tô em crise de abstinência. Tá começando a doer a cabeça, nó na garganta, olhos marejados de algo que obviamente não é alegria, é abstinência de algo que faz bem, que te coloca no eixo quando o trem descarrila...


xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx




Por mais que a gente tente se iludir e insista em não enxergar, a gente só consegue ignorar a verdade por um tempo! A gente sabe quando a amizade é de verdade, quando a troca é de verdade, quando o carinho é de verdade, quando a pessoa é de verdade, e o ruim (ou bom) é quando a maldita (ou bendita) verdade chega para mostrar que era tudo de mentira!

O bom da verdade é que ela liberta!

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx



Por descuido ou inabilidade ainda não sei me posicionar corretamente na vida e acabo virando alvo ou entrando em rotas de colisão...


**Tudo retirado do mundo dos rascunhos nunca publicados... Antiquário de pensamentos avulsos!

17 julho 2015

É amor mas atende por qualquer nome...





É amor mesmo quando estão de costas um para o outro...

É amor mesmo que combinem apenas uma noite de sexo, mas a afinidade, a intimidade e o desejo intenso que nada cala, mostra que sexo é uma desculpa e um álibi que ambos usam para disfarçar o amor!
É amor quando ela já exausta de tanta rotatividade, relembra a ternura de andar de mãos dadas... (com ele)!
É amor, sempre será mas eles esperam que um dia atenda por outro nome, pois os dois sangram mensalmente a falta um do outro...
E se é amor, e se o amor sempre vence... Será que é amor?

07 julho 2015

Afinidades e Desafinações

**(O diálogo abaixo NÃO é recente, mas qualquer semelhança com o presente é pura ironia, piada ou prova que nada se cria tudo se recria, copia ou revive insistentemente até cansar...)

Olha quem está aí!!

Quem é vivo desaparece, mas sempre aparece!

Entãooo...

Entãoooo, não perdeu essa mania!

Nem essa e nem muitas outras! Coleciono manias, entre outras coisas mais!

Entre outras coisas mais eu penso sempre em você!

Entre outras coisas mais eu esqueci de lembrar de você!

Acidez teu nome é Lika!

Lika é apelido, ou nem meu nome sabes mais?

Eu não me lembro do teu nome, eu não me lembro do teu fone, mas eu me lembro de ti!

Huahuahuahuahua
EEE SAUDADE dessas conversas! Nem lembrava mais como era escrever sem fazer o menor sentido e alguém do outro lado rebater com todo o sentido do mundo!

Com todo o sentido, sentimento e outras coisas mais!

Uiiii, inspiração é mato pra ti né!

Mas me diz aí, onde tu andou enquanto eu te procurava?

Huahauhauhau... por aí, “entre gritos e gemidos, entre mortos e feridos, (a mentira e a verdade, a solidão e a cidade), entre um copo e outro da mesma bebida...

A mesma de sempre... eu GOSTO mesmo de ti, pena que a gente tem sempre esse ar de despedida em tudo que fazemos!

Entre música e poesia, um dia a gente se encontra! Ou não! É que temos prazo de validade, eu te aturo até o início da vontade de sempre te ver por aqui, tu me atura até o início da tua vontade de sempre estar por aqui!

Sempre sincera e honesta!

Nananina... só contigo... com o resto eu simulo!

Então só eu tenho o teu mais sentimento sincero?

Não, só tu tens a verdade! Sentimento sincero eu tenho de sobra, o que me falta é coragem, e em relação a ti nem coragem falta!

Assim tu me deixa com vontade!

Vontade dá e passa! :p

Alguém especial no momento?

Sempre tem alguém especial né... não que seja um especial de UOOOOUUU, mas sempre tem!

E é correspondida?

Eu sempre acho que não! Tu sabe que eu me apaixono pelo sentimento da paixão, e não propriamente pela figura lá do outro lado!

Ele é como eu?

Nãããooooo, é outro lance, nem sei qual, mas outro bem diferente, contigo é na base da atração intelectual, com ele é físico mesmo!

Então tu te rendeu aos pecados mortais?

Só para variar um pouco, essa coisa de sexo verbal não faz meu estilo... huahauauhau

Vontade de te pegar!

Vontade dá e passa! :p

Ele ao menos sabe que tu existe?

Huahauhau... sabe!

E vcs saem?

Não me obrigue a falar disso, eu evito!

Hmmm, então tem algo aí! Não é mulher né?!

Claro que não né! Não é pq eu gosto de futebol, dirijo FANTASTICAMENTE bem, não gosto de fazer compras em Shopping que eu preciso gostar de mulher né! Já te disse que minha opção sexual é bem ortodoxa... eu gosto mesmo é de vocês! MESMO!

Isso eu sei que tu gosta... ôôôhhh... hehehe... mas poderia querer experimentar outras coisas!

Não... sem curiosidade pra isso!
Mas fala de ti! Quem é a da vez?

Ao contrário de ti, ninguém em especial, uma ali, outra acolá, só pra manter o corpo em dia!

Creeedo, não gostaria de ser nenhuma delas!

Se fosse tu não seria assim, temos outras tantas mais afinidades, o que não temos é disposição pra algo mais sério, por isso que não deu certo!

Mentira, não deu certo pq eu não te levo a sério, e não o contrário.

Fala por ti, por mim falo eu. Eu tb não te levo a sério. Mas to vendo que tem algo novo! Fala de ti

Não tenho muito o que falar, só que eu queria ser de alguém, ando sentindo falta de ser de uma pessoa só!

Ai ai ai... ta tudo muito diferente de quando eu parti!

Algumas coisas evoluem né!

Vamos sair? Queria te ver, essa foto ta linda, mas linda tu ta sempre, principalmente quando chora!

Quando eu choro eu fico inchada!

Mas fica vulnerável, dá pra pegar no colo que tu não solta espinho!

Hahahaha... verdade!

Então, vamos sair?

Não posso!

Como não pode?

Agora não quero, vamos ficar só na conversa, tu me dá nostalgia, vontade de voltar, de viver tudo de novo e depois me arrepender amargamente!

Nem ta dizendo que te faço mal!

[muda]

Me diz o nome ao menos

Lidiane!

Não o teu, o dele!

Não posso, não tenho coragem!

Mas então é sério?

Quando que é sério? Claro que não é sério!

Pra tu querer manter uma certa fidelidade é pq é sério!

Sabe que isso realmente mudou, eu ando gostando de ser de um de cada vez... assim eu não perco o foco! Mas tu sabe que sou volúvel, daqui um pouco passa!

Chegar na hora errada é comigo!

Mas podemos sair, desde que tu respeite o teu limite.

Te ver e não te ter, é improvável é impossível!

HAHAHAHAHA... então nada feito! Que mania vcs homens tem de abrirem o jogo assim com essa agressividade, sabe que esses tempos eu deletei um justamente por isso!
Preciso dormir!

Já?

Amanhã tenho muito o que fazer. Te vejo novamente por aqui?

Sempre que a saudade falar mais alto.
Eu sempre que lembro de ti penso com carinho.
Queria ouvir tua voz... mas não tenho mais teu telefone.

Mudou! Mas hoje não... outro dia!

Tu me deixa com vontade de voltar ao passado!

Essa fala é minha!

Vontade de te apertar na parede!

Meeedo!

Mas contigo eu sou delicado!

Chega... daqui um pouco eu fico com vontade! Preciso ir dormir! Beijo na boca

Beijo no teu pescoço daqueles que tu fica arrepiada desde o dedo do pé até o último fio de cabelo!

Uiiiii... boa noite!

Boa noite!

25 junho 2015

O que me inspira...






Música realinha meus chakras, equilibra meu desequilíbrio, aniquila o meu desânimo, torna meu dia melhor, trilha as minhas histórias, e desencadeia tanta coisa boa que quando vejo já estou noutra dimensão!!

E quando toca a minha alma, arrepia todo o meu corpo num tipo efeito dominó... Ahhh, a música!