28 março 2013

Ser e Estar...

Incrível como o mundo gira, dá voltas e voltas, e algumas coisas nunca saem do lugar...
E estou falando o lado bom disso...
Hoje fui ler um post antigo, e eu NÃO gosto muito de fazer isso, pois às vezes tenho a sensação de andar invariavelmente em círculos, outras vezes eu até gosto por perceber que tenho uma ingenuidade impar em tudo aquilo que coloco afeto!
Pois bem, lá em 2007 eu escrevi mais ou menos isso:


14 OUTUBRO 2007


Onde está ela?!

Escrever sem ter nada pra dizer... só pq hj lembrei que faz quase um ano que comecei 
a escrever no blog...
O que mudou de lá pra cá?!
Muita coisa e quase nada...
A menina descobriu um mundo absolutamente novo, mas ainda não achou o que procura...

A menina desfez muitos castelos de areia e construiu casinhas de papel...
A menina cresceu... diminuiu... alargou... recolheu... riu... chorou... falou... calou...

mostrou... escondeu... doou... recebeu... engordou... emagreceu... brilhou... apagou...
mudou... viveu...
A menina precisa voltar logo pra casa e organizar a bagunça...
E a menina precisa entender que ainda há muito o que aprender... e ainda há tempo!


HOJE... 2013... Vejo que continuo com a mesma alma de lá:
Fazendo e desfazendo castelos e construindo e desmoronando casinhas...
Tive duas filhas...
Cresci, diminuí, ri muito, chorei na mesma medida, falei absurdamente muito, aliás, muito mais do que naquela época eu falava, e calei absurdamente muito, muito mais do que naquela época eu calava... me apaixonei algumas vezes, e também amei algumas vezes, na verdade eu descobri o que era enfim o tal do AMOR... E descobri que já tinha sentido, e que quem eu amei um dia permanece dono do meu amor, mas de uma forma diferente, realmente amor não acaba, se transforma...
Mas continuo desdenhando o amor e ainda tenho medo de demonstrar os meus sentimentos... Mas descobri que as pessoas conseguem tirar isso de mim espontaneamente quando me dão segurança, e é quando eu descubro que não adianta mais eu fingir, e falar a verdade é a melhor solução!!!!

ONTEM EU TIVE UMA NOITE MARAVILHOSA, E EU QUERIA MUITO TER DITO MAIS UM MONTE DE COISAS, MAS A NOITE FOI CURTA...
ESTOU APAIXONADA!

Um comentário:

Anônimo disse...

A gente quer tanto ter segurança, mas afinal pra que ela serve? Eu me acomodo quando me sinto segura, ando preferindo a insegurança, não no sentido negativo que a palavra possa ter, mas insegurança faz a gente sonhar mais e faz a gente ir a todos os lugares...